Trio pautado no rock n’ roll, jazz e blues entra em estúdio para imortalizar seus primeiros esforços no universo autoral

A Amanita Flying Machine acaba de anunciar em seu Instagram que trancou-se no estúdio Circumano para a gravação de seus primeiros registros autorais.

Com shows marcados em Divino São Lourenço e Castelo, Henrique Mattiuzzi (guitarra e voz), Leandro Loss (baixo) e Pedro Heyerdahl (bateria e voz) garantem que a banda foi muito bem recebida e que está bastante entrosada com o processo. Vem coisa boa por aí!

Texto: João Depoli; Foto de capa: Divulgação/Facebook.

Categories: Notícias